Notícias

V Festival Nacional do Salame deve atrair cinco mil pessoas

O salame ajuda a contar a história de Marau. A produção da carne suína no município, em especial, do salame, revelou-se como uma das principais fontes de renda familiar nos anos 20. Foi neste contexto que cresceu a cidade, sob forte influência da industrialização iniciada com a instalação do Frigorífico Borella, mais tarde adquirido pela Perdigão, hoje, BRF. Assim, é certo dizer que o salame está diretamente atrelado ao desenvolvimento da cidade. Desta herança cultural, surgiu a Rota das Salamarias, que inspirou a organização do Festival Nacional do Salame. Em cerimônia de lançamento, a programação e outros detalhes que caracterizam a festa deste ano foram apresentados a patrocinadores e à imprensa, na noite de sexta-feira, dia 16, no Casa Camera Ristorante.

Em 2014, o Festival Nacional do Salame sai de seu local de origem e, com vistas a garantir maior segurança e comodidade aos seus visitantes, transfere-se para novo endereço. A quinta edição do evento será realizada nos dia 6, 7 e 8 de junho, no Ginásio Municipal Jatyr Francisco Foresti.  Realizado pela Rota das Salamarias, atualmente presidida pelo Sr. Valdir Camera, com apoio do Poder Público Municipal, o Festival deste ano tem como patrocinador máster, a Comercial Zaffari. Segundo o Diretor de Desenvolvimento do grupo, Tiago Zaffari, a empresa possui forte identificação com as comunidades interioranas, por isto aposta e apoia sempre que pode, iniciativas que permitem fortalecer o estado. Para ele, ações como esta são muito bem vistas pela rede, pois além de resgatarem aspectos culturais, fomentam o desenvolvimento do município. “Para nós, o Festival é um evento de importância destacada. Além de resgatar e manter vivos os aspectos culturais dos imigrantes que colonizaram esta região, este representa um marco na história da colonização. Sinônimo de superação, de desafios e de conquistas vividas por nossos antecessores”, ressaltou Tiago, presente no lançamento.

Os demais patrocinadores estiveram representados por Helena Bortolon, Executiva de Contas da RGE, Telmo Junior Bettio, Gerente Financeiro da GSI, Mateus Roso, Diretor Operações e Marketing da Meta Agrícola Case, Dino Trento, Diretor da Unidade da Corsan de Marau, Gaspar Manuel da Luz, Gerente Geral da Agência do Banrisul de Marau, Luiz Fernando Lindner, Gerente Geral da Agência da Caixa Econômica Federal de Marau, Marli Sitta, Coordenadora do Supermercado Piá, Wallacy  Barbosa, Gerente Comercial da PD Feiras e Eventos, Carlos Alberto Tonial, Gerente da BRF Unidade de Marau.  O evento também tem patrocínio da UPF, Governo do Rio Grande do Sul e Governo Federal.

“Estamos trabalhando incansavelmente para ampliar a dimensão do evento, ao mesmo tempo torna-lo mais independente, como um patrimônio para a comunidade. Esta quinta edição vai consolidar e ampliar o evento como vitrine do agronegócio e fomento de potencialidades turística de Marau”, disse a Secretária de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Neiva Schuster. Segundo a Secretária, estima-se que cinco mil pessoas devem passar pelo Ginásio nos três dias, o que representa um incremento de 25% “Todas as identidades se unem em torno do mesmo amor por Marau. Uma festa como o Festival do Salame, só reforça estes passos. A participação de empresas de todo o Estado só reforça nossa cidade como um referencial turístico e produtivo do RS”, complementou o Prefeito Josué Longo.

Na ocasião, também se pronunciaram Silvio Borghetti, representando a presidência da Câmara de Vereadores, Elis Regina Pradegan, Rainha da Festa Italiana de 2013, e Sabrina Sgarbi, soberana da Festa deste ano, que será coroada durante a abertura do Festival.

Além do salame, grande variedade de comidas e bebidas compõe o cardápio da festa

Ao adquirir ingresso, o visitante circula pela estrutura a ser montada no interior e parte externa do Ginásio Municipal Jatyr Francisco Foresti, degustando os produtos de cada expositor. A variedade de sabores atende a diferentes preferências.

Entre as opções destacam-se salames de diversos tipos, salame frito, copa, pão, morcela, presuntos, queijo de porco, mortadela, frango recheado, lombo de porco, lombo de porco recheado, codeguim, picanha suína defumada e assada, drumets, biscoitos, polenta frita e brustolada, pepinos, geleias, queijos, salame e queijo de chocolate.

No centro do salão, uma grande mesa é permanentemente abastecida com pratos quentes e frios, incluindo produtos da BRF como pizzas e empanados.  A carta de bebidas também é vasta. As principais vinícolas da Serra Gaúcha trarão para Marau, uma seleção especial de vinhos e espumantes. Também será servido água, refrigerantes, sucos, lácteos, chás e café.

No varejo, os produtos degustados nos estandes poderão ser adquiridos a preços especiais. Os ingressos terão preços diferenciados para crianças e idoso e por dia de visitação.

Mais Notícias

Festival Nacional do Salame

Local do Evento: Ginásio Jatyr Francisco Foresti - Rua Rui Barbosa, esquina com Avenida Barão do Rio Branco - Centro
Marau - RS - Brasil - CEP: 99150-000
Email: festival@festivaldosalame.com.br
Fone: (54)3342-6239